Chicago: Soja opera na defensiva após semana de boas altas

Publicado em 07/02/2014 12:49 e atualizado em 07/02/2014 13:27 722 exibições

Na defensiva, o mercado da soja opera de lado nesta sexta-feira (7) na Bolsa de Chicago. Depois de registrar ligeira queda mais cedo, por volta das 13h30 (horário de Brasília), os primeiros vencimentos subiam entre 0,50 e 2,75 pontos, na sessão regular. A posição maio/14, referência para a safra brasileira, era cotada a US$ 13,12 por bushel. 

Entretanto, o suporte para os preços da soja no mercado internacional continuam. "O mercado está extremamente demandado e a escassez é grande nos Estados Unidos", afirma Liones Severo, consultor do SIMConsult. Severo acredita ainda que, com o final dos embarques de soja acontecendo nos Estados Unidos, em março, o primeiro vencimento negociado em Chicago pode chegar a US$ 14,50. 

Entretanto, o suporte para os preços da soja no mercado internacional continuam. "O mercado está extremamente demandado e a escassez é grande nos Estados Unidos", afirma Liones Severo, consultor do SIMConsult. Severo acredita ainda que, com o final dos embarques de soja acontecendo nos Estados Unidos, em março, o primeiro vencimento negociado em Chicago pode chegar a US$ 14,50. 

"A oferta está muito curta em relação à demanda, já há um período de escassez há dois anos nos Estados Unidos e isso deve se repetir esse ano", afirma o consultor. "No meu entendimento, os preços da soja e do milho estão subvalorizados e ainda têm muito a ganhar com o tempo", completa.

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário