Financeiro pressiona mercado e soja recua em Chicago nesta 6ª feira

Publicado em 11/04/2014 12:19 1599 exibições

Os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago opera em queda nesta sexta-feira (11). As posições mais próximas são as que registram as perdas mais expressivas e, por volta de 12h (horário de Brasília), caíam quase 20 pontos. O contrato mais negociado nesse momento valia US$ 14,63 por bushel, enquanto o julho/14 era cotado a US$ 14,46. 

O mercado segue com seu movimento de realização de lucros, estimulado por uma liquidaçao por parte dos fundos de investimentos, além da atuação dos mercados financeiros. Essa correção técnica chega após as fortes altas e dos preços terem alcançado os melhores patamares dos últimos meses. 

Na última quarta-feira (9), depois da divulgação do relatório do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) trazendo estoques menores nos EUA, as importações elevadas a níveis recordes - de 1,77 milhão de toneladas -, um aumento das exportações e o número chamado de residual levado a zero. 

A tendência, no entanto, permanece sendo de altas para os preços da soja, uma vez que a realidade norte-americana ainda preocupa o mercado. Há escassez de produto nos Estados Unidos diante de uma demanda ainda muito ávida pela oleaginosa do país. Os fundamentos seguem fortes e no foco dos investidores.

"Temos uma força financeira atuando forte sobre o mercado da soja que tem limitado os níveis na faixa de US$ 14,90 a US$ 15,00, e nesses níveis aparecem muitas ordens de venda, e com isso o mercado não consegue superar essa barreira, que é financeira, e o mercado precisaria de novas notícias para isso", diz Vlamir Brandalizze, da Brandalizze Consulting. 

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário