Em dia de pregão mais curto, alta da soja em Chicago é puxada pela valorização do óleo

Publicado em 26/12/2014 16:49 e atualizado em 26/12/2014 17:19 1154 exibições

As cotaçõe da soja na Bolsa Chicago (CBOT) encerram os negócios desta sexta-feira em forte alta, contrariando as expectativas de analistas que apostavam em um mercado calmo e sem grandes alterações em função do pouco tempo para os negócios , já que apenas o pregão regular funcionou.  Segundo analistas, o óleo de soja puxou os ganhos do grão, principalmente, diante das perspectivas de forte demanda pelo produto americano. A soja em grão para entrega em janeiro fechou com alta de 18,75 pts, cotada  a US$ 10,47 . A posição março de 2015 teve cotação de US$ 10,54 por bushel, com avanço de 18,75 pts e o vencimento maio de 2015 chegou a US$10,61 por bushel com alta de 18,5 pts.

Nos subprodutos, a posição janeiro do farelo avançou US$ 8,30 por tonelada, sendo negociada a US$ 379,70 por tonelada. No óleo, os contratos com 
vencimento em janeiro fecharam a 32,46 centavos de dólar, alta de 0,53 centavo.

Câmbio

A cotação do dólar recuoul nesta sexta-feira (26), com investidores aproveitando a ausência de divulgação de dados econômicos relevantes para corrigir parte da alta recente da divisa. A moeda norte-americana caiu 0,83 por cento, a 2,6741 reais na venda. O volume financeiro, segundo dados da BM&F, ficou em torno de 1,4 bilhão de dólares.

Na semana, o dólar subiu 0,63 por cento.

 

Tags:
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário