Soja tem início de semana em campo negativo em Chicago e segue esperando novas notícias

Publicado em 19/12/2016 07:48
648 exibições

Os preços da soja praticados na Bolsa de Chicago começam a semana, mais uma vez, em campo negativo. Na sessão desta segunda-feira (19), os futuros da commodity perdiam pouco mais de 5 pontos entre as principais posições, com o janeiro/17 - ainda o vencimento mais negociado - sendo cotado a US$ 10,32 por bushel, e o maio/17, referência para a safra do Brasil, com US$ 10,49. 

O mercado segue atento às novidades que ainda possam movimentar as cotações de forma mais expressiva e, de acordo com analistas e consultores, essas informações poderiam vir, principalmente, com mudanças no clima da América do Sul. As expectativas sobre a nova temporada são elevadas, dada a força da demanda e ao já elevado percentual da produção norte-americana comprometida, que chega a pouco mais de 80%. 

Nesta segunda, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) atrai, mais uma vez, a atenção dos traders com a chegada de um novo reporte semanal de embarques de grãos. O total já embarcado de soja pelo país também supera o volume desse mesmo período da temporada anterior e já chega a 27.905,963 milhões de toneladas. 

Atenção ainda ao financeiro, principalmente ao andamento do câmbio. Nesta segunda, o dólar index já exibe uma ligeira baixa de 0,08% frente a uma cesta de principais moedas. 

Veja como fechou o mercado na última semana:

>> Soja: Com Chicago estável, atenção do produtor brasileiro tem semana de foco no câmbio

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário