Com chuvas constantes, MT já tem soja brotando no campo

Publicado em 14/02/2017 16:28 e atualizado em 14/02/2017 17:13
8093 exibições

As chuvas que continuam chegando ao Mato Grosso seguem preocupando os produtores locais, que estão com a colheita da soja paralisada no estado. Em algumas localidades as chuvas são constantes e em muitas regiões a ocorrência de grãos ardidos já é bastante elevada. 

Em Nova Mutum, por exemplo, há cerca de 50% da soja ainda a ser colhida, segundo informa o presidente do Sindicato Rural local, Luiz Carlos Gonçalves. 

E apesar disso, com um plantio que também aconteceu mais cedo, a colheita em Mato Grosso se mostra bastante adiantada, segundo os últimos números do Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária). Até a última sexta-feira (10), os trabalhos de campo já haviam sido concluídos em 45,79% da área, com um adiantamento de 20,1% frente à temporada 2015/16. 

Leia ainda:

>> MT: Chuvas continuam nesta semana e colheita está paralisada em diversas regiões

>> Chuvas em Mato Grosso preocupam produtores de soja (REUTERS)

Segundo o consultor da PA Consultoria Agronômica, Paulo Assunção, muitas áreas de Sapezal, Campos de Júlio, Diamantino, Brasnorte e Tangará da Serra já registram perdas consolidadas em decorrência do cenário climático. “As lavouras que estão prontas para a colheita e que receberam chuvas na última semana podem apresentar uma perda entre 4 a 5 sacas de soja por hectare”, destaca em entrevista ao Notícias Agrícolas.

Além disso, o especialista reforça que também há uma redução no peso dos grãos colhidos. “E, antes das chuvas estávamos com uma produtividade média próxima de 70 sacas de soja por hectare. Cenário bem diferente do registrado no ano anterior”, diz Assunção.

No link a seguir, veja a íntegra da entrevista de Assunção:

>> Com chuvas constantes em MT, algumas lavouras de soja já registram perdas de produtividade

A seguir, veja imagens de como estão lavouras de soja em Mato Grosso após as chuvas das última semanas e como ficaram importantes regiões produtoras após as chuvas do último final de semana. As fotos foram enviadas por produtores da região de Sapezal, Vila Rica, Campo Novo do Parecis e Deciolândia. 

Vila Rica

Soja em MT após chuvas 2016/17

Deciolândia

Soja em MT após chuvas 2016/17

Soja em MT após chuvas 2016/17

Campo Novo do Parecis

MT após as chuvas de fevereiro 2017

Sapezal

MT após as chuvas de fevereiro 2017

MT após as chuvas de fevereiro 2017

MT após as chuvas de fevereiro 2017

MT após as chuvas de fevereiro 2017

MT após as chuvas de fevereiro 2017

Soja em MT após chuvas 2016/17

Soja em MT após chuvas 2016/17

Lavouras de milho submersas em Campo Novo do Parecis

Lavouras de milho submersas em Campo Novo do Parecis/MT

Lavouras de milho submersas em Campo Novo do Parecis/MT

 

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário