Soja trabalha com estabilidade em Chicago nesta 4ª feira após início de semana volátil

Publicado em 28/11/2018 08:20
759 exibições

LOGO nalogo

Segue a espera pela definição do encontro entre Donald Trump e Xi Jinping na reunião do G20 no final deste mês e, nesse compasso, o mercado da soja na Bolsa de Chicago segue se ajustando. A semana começou agitada para os preços, com baixas de mais de 2% na segunda-feira (26) e altas de mais de 1,5% nesta terça (27). 

Assim, nesta quarta-feira (28), os traders parecem buscar uma estabilidade e um alinhamento de posições, com as cotações com variações bem tímidas na manhã de hoje. Por volta de 8h (horário de Brasília), os futuros da oleaginosa subiam pouco mais de 1 ponto. 

O vencimento janeiro/19 valia US$ 8,77 por bushel, sendo esse o mais negociado desse momento, enquanto o maio/19, referência para os negócios aqui no Brasil, tinha US$ 9,04. 

Os líderes chinês e americano têm endurecido seus discursos nos últimos dias, afastando, segundo analistas internacionais, a possibilidade maior de um acordo entre as duas maiores economias do mundo. Caso isso de fato aconteça, pode se intensificar a pressão sobre as cotações em Chicago. 

Veja como fechou o mercado nesta terça-feira:

>> Soja: Mercado aproveita baixas, fundos vão às compras e preços sobem mais de 1% em Chicago

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário