Soja: Em Chicago, mercado amplia altas preocupado com seca no Brasil e especulando sobre China

Publicado em 18/01/2019 14:24
656 exibições

LOGO nalogo

Ainda operando em campo positivo, os futuros da soja vêm ampliando seus ganhos nos principais contratos negociados na Bolsa de Chicago e, de acordo com informações de analistas internacionais, refletindo as preocupações com as perdas no Brasil e os rumores de compras da China nos EUA. 

Perto das 14h (horário de Brasília), a commodity registrava ganhos de 9 a 9,25 pontos nos principais contratos, com o março de volta aos US$ 9,17 e o maio/19 valendo US$ 9,30 por bushel. As posições um pouco mais distantes já buscavam retomar os US$ 9,50. 

"O mercado está preocupado com a seca no Brasil e com expectativas sobre uma evolução ainda mais consistente das conversas entre China e Estados Unidos para por fim à guerra comercial, o que promove uma cobertura de posições", diz o analista de mercado do portal internacional Farm Futures, Bryce Knorr. 

Os preços dão continuidade às fortes altas registras ontem, quando a commodity terminou op dia avançando mais de 13 pontos diante de recompras técnicas de posições e mais rumores de novas compras da China nos EUA. As notícias, porém, ainda não encontram espaço para serem confirmadas com a continuidade da paralisação do governo norte-americano. 

Além disso, ainda nesta sexta, os traders se preparam para estarem bem posicionados antes do feriado da próxima segunda-feira (23) nos EUA. 

"Sendo véspera de final de semana prolongado nos EUA, com o feriado de Martin Luther King na segunda-feira, pode haver ajuste tecnico de posições hoje e até garantia de lucros caso não haja mais notícias sobre a guerra comercial EUA/China", diz o diretor da Cerealpar, Steve Cachia. 

Tags:
Por Carla Mendes
Fonte Notícias Agrícolas

Nenhum comentário