Soja sobe em Chicago nesta 6ª feira e se reposiciona depois das baixas da sessão anterior

Publicado em 06/09/2019 08:01
1857 exibições

LOGO nalogo

Sexta-feira de leves altas para os preços da soja na Bolsa de Chicago. Depois de terminar o dia perdendo mais de 13 pontos na sessão anterior, os futuros da oleaginosa buscavam um reajuste e testavam leves ganhos na manhã de hoje. E a procura do mercado por uma definição de sua direção continua.

Assim, perto de 7h40 (horário de Brasília), as cotações subiam entre 2,75 e 3,25 pontos nos principais contratos, com o novembro valendo US$ 8,64 e o março, US$ 8,91 por bushel. 

Segundo analistas internacionais, o mercado encontra espaço para recuperar-se também diante de algumas compras técnicas feitas depois das perdas do pregão desta quinta-feira (5).

E como já é sabido, permanece no radar dos traders a evolução - ou não evolução - da guerra comercial, bem como as especulações sobre o encontro dos times americano e chinês em outubro. O mercado, entretanto, já não dá tanto peso á informações não confirmadas e já não apostam em um acordo saindo no curto ou médio prazo. 

Também em foco a conclusão da nova safra dos Estados Unidos, as condições que enfrentará para sua conclusão no Corn Belt e, claro, o posicionamento dos traders antes do novo boletim mensal de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) que chega na próxima semana, em 12 de setembro. 

Ainda nesta sexta, atenções voltadas também para o boletim semanal de vendas para exportação do USDA,com expectativas para a soja de algo entre 50 mil e 700 mil toneladas. 

Veja como fechou o mercado nesta quinta-feira:

>> Soja: Mercado recua forte em Chicago, mas prêmios ajudam na manutenção dos preços no Brasil

Tags:
Por: Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário