Março registra queda na exportação de soja do maior produtor de MT

Publicado em 16/04/2010 13:44 514 exibições
As empresas sorrisenses exportaram, em três meses, pouco mais de US$ 126 milhões em produtos como soja, milho, madeiras e outros, quantia 3,05% inferior ao trimestre de 2009, quando a soma das vendas para outros países alcançava a casa de US$ 130 milhões, segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Quando contabilizado apenas o mês de março, a queda é de 13,32% já que neste ano, as vendas totalizaram US$ 74,6 milhões e, no ano passado, pouco mais de US$ 86 milhões em produtos haviam sido negociaods pelas empresas sorrisenses.

Em três meses, 80% dos produtos exportados correspondem a soja (grãos e triturados). A comercialização da oleaginosa soma US$ 100,9 milhões. A queda é de 10% quando comparado com o mesmo período do ano passado quando o montante movimentado estava na casa de US$ 112,1 milhões.

O milho em grão (exceto para semeadura) aparece como segundo na lista dos mais vendidos. A comercialização alcançou US$ 24,3 milhões no ano. Neste caso, houve aumento de 50,2% na venda do produto quando comparado com o primeiro trimestre de 2009, período em que as vendas totalizaram US$ 16,1 milhões.

Madeiras não coníferas correspondem a 0,45% da fatia exportada. A comercialização resultou em US$ 569,2 mil para as empresas sorrisenses. Em seguida, está a venda de US$ 139,3 mil em madeiras serradas e, por último, com US$ 92,9 mil comercializados, está o algodão debulhado.

O principal comprador foi a China que injetou US$ 61,6 milhões nos produtos. Em seguida está a Espanha com US$ 21,7 milhões. O Irã pagou US$ 9 milhões. Holanda (países baixos) comprou US$ 6,2 milhões e, Marrocos, US$ 5 milhões. A lista é preenchida ainda por outros 15 países.
Tags:
Fonte:
Só Notícias

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário