Produtores continuam retendo safra de soja nos silos

Publicado em 04/08/2010 20:19 523 exibições
Os produtores gaúchos de soja prosseguem retendo nos silos a sua safra recorde de soja (10,5 milhões de toneladas).

Imagina-se que apenas 2/3 dela foi comercializado até agora.

O que ocorre é que os preços estão bons em Chicago (acima dos US$ 10 por bushel), mas podem melhorar.

Os preços estão bastante vinculados a notícias ruins sobre o que vai acontecer nos próximos meses:

1) Na Rússia e Ucrânia, neste verão inclemente, as safras de grãos sofrem muito.

2) Por causa do La Niña, menos chuvas ameaçam todo o Sul do continente da América do Sul, o que remete a constatação histórica de safras ruins de verão, inclusive no RS.

3) Nos EUA, agosto será determinante para a nova safra.

No RS, as expectativas para a próxima safra de verão, a principal do ano, são muito ruins por conta do La Niña. Neste momento, os eventos estão ligados à safra de trigo. O frio ajuda muito o cereal – e faz muito frio no RS. Os produtores apenas queixam-se do fato de que não poderão tirar todo o proveito da inesperada alta do preço do trigo no mercado internacional (50% de 1º de julho para cá) porque plantaram menos e nada mais podem fazer. As cotações internas ainda não tiveram alteração, mas isto ocorrerá.

Tags:
Fonte:
Polibio Braga

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário