Soja: safra 2010/11 deve alcançar 69,95 milhões de t, estima AgRural

Publicado em 10/08/2010 14:48 590 exibições
Produção de soja pode ser a maior da história. Com área recorde, próxima safra pode chegar a 70 milhões de toneladas, mesmo com quebra no RS e em MS.
De acordo com o 1° levantamento da safra 2010/11 concluído pela AgRural na sexta (06), a produção brasileira deve atingir 69,95 milhões de toneladas, superando o atual recorde de 68,47 milhões. O resultado otimista deve-se ao crescimento da área plantada pelo quarto ano consecutivo e que pela primeira vez alcança os 24,05 milhões de hectares. Apesar da perspectiva de quebra de produtividade no Sul do país, o Brasil deve colher em média 48,5 sacas por hectare, apenas 0,3% abaixo da produtividade recorde obtida na safra 2009/10.

Com perspectiva de quebra de safra no Rio Grande do Sul – a produção recua 11% e chega a 9,10 milhões de toneladas, a estimativa é que os sojicultores do Sul colham 24,87 milhões de toneladas em 2010/11, 3% menor em relação à temporada anterior. Apesar da queda, a safra será recorde no Paraná e em Santa Catarina, que devem produzir 14,38 milhões de toneladas e 1,38 milhões. “Vou aumentar a minha área de soja sobre 700 hectares de milho”, afirma Ely Germano, produtor de Arapoti (PR).

A região Centro-Oeste, por sua vez, deve superar o atual recorde de 31,48 milhões de toneladas e chegar a 32,91 milhões. A previsão é que Mato Grosso alcance históricos 20,03 milhões de toneladas com uma produtividade média de 53 sacas por hectare. “O preço subiu nos últimos dias e a tendência é que cresça mais até o final do ano, animando os produtores a plantar. A expectativa é sempre a melhor”, diz Argino Redin, produtor de Sorriso (MT). Com boas perspectivas para a próxima temporada, Goiás deve plantar 8,05 milhões de toneladas, um recorde para o estado.

A expectativa também é positiva para as regiões Norte e Nordeste, onde a colheita tem potencial de alcançar 7,63 milhões de toneladas com recorde de produção em todos os estados. Destaques para Maranhão e Piauí, onde a safra deve crescer mais de 20% em relação a 2009/10. Para Fernando de Freitas Borges, do departamento financeiro da Fazenda Sapucaí, em Balsas (MA), o pessoal está bastante otimista. “A safra passada foi muito ruim por causa da falta de chuva, mas este ano promete ser melhor. Acreditamos que melhorando a produtividade, a margem de lucro será maior”.

Tags:
Fonte:
AgRural

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário