Soja: Em véspera do USDA, mercado opera com leve alta

Publicado em 07/04/2011 10:36 e atualizado em 07/04/2011 11:21 566 exibições
À espera de um novo relatório do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) - o de oferta e demanda mensal de abril, que será divulgado nesta sexta-feira (8) - os mercados de grãos operam com bastante volatilidade na Bolsa de Chicago e os agentes de mercado já reduzem sua exposição ao risco.

Diante disso, a soja encerrou próxima da estabilidade, com leves altas em pregão noturno de pouca movimentação. A firmeza do trigo e do milho contribuem para o avanço, mesmo que pouco expressivo, da oleaginosa.

As altas são limitadas, no entanto, pela pressão da entrada da safra da América do Sul que ainda pesa sobre o mercado.

"O mercado permanece consolidando movimento de queda recente em pré USDA, como agentes reduzindo risco", informava a análise da XP Investimentos desta quinta-feira.

Exportações semanais de soja nos EUA ficam abaixo das expectativas

O relatório de registro de exportações do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) informou que as vendas semanais de soja nos EUA ficaram em 190,3 mil toneladas na semana encerrada no dia 31 de março. O volume vendido ficou abaixo das expectativas do mercado, que variavam de 250 a 500 mil toneladas. 

Já as exportações de milho totalizaram 808,9 mil toneladas e ficaram dentro do esperado. O mercado apostava em algo entre 600 e 900 mil toneladas.

As vendas de trigo, por sua vez, ficaram acima das expectativas somando 722,9 mil toneladas frente a aposta do mercado de algo entre 250 e 700 mil toneladas.

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário