Soja despenca em Chicago após relatório do USDA

Publicado em 12/09/2011 12:02 1311 exibições
Os contratos futuros da soja despencaram na abertura do pregão regular desta segunda-feira em Chicago após divulgação do relatório de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos EUA) que aumentou as estimativas de produção da oleaginosa no país. Às 11h44, o vencimento setembro/11 da soja perdia 20 pontos, deixando o patamar dos US$14 por bushel.

Durante toda a semana passada, à espera do relatório norteou e sustentou os preços da oleaginosa que apresentou pequenas variações e hoje, contrariando as expectativas baixistas do mercado, o órgão aumentou de 83,17 de milhões para 83,96 milhões de toneladas a produção de soja em suas lavouras.

Os estoques finais da soja também foram aumentados, passando de 4,22 milhões para 4,49 milhões de toneladas, acima da expectativa média do mercado que esperava um corte para 4,14 milhões de toneladas.

Milho

Por volta do mesmo horário o milho tinha pequena desvalorização, operando com 1 ponto de queda nos principais contratos. Ao contrário da soja, o grão teve sua safra estimada para baixo. De acordo com o Departamento, a produção deve ficar em 317,44 milhões de toneladas, 3,23% a menos que o estimado em agosto, 328,03 milhões de toneladas. O volume ficou abaixo da expectativa do mercado de 317,64 milhões de toneladas.

Para os estoques a estimativa foi menor que a esperada pelo mercado, mas ainda assim veio em baixa, caindo dos 18,14 milhões para os 17,07 milhões de toneladas.

Tags:
Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário