USDA: Exportações semanais de soja e milho dos EUA diminuem em uma semana

Publicado em 07/03/2013 12:49
489 exibições
As exportações líquidas de soja dos Estados Unidos, referentes à safra 2012/13, somaram 392.000 mil toneladas na semana encerrada no dia 28 de fevereiro. O volume é menor do que o registrado na semana anterior, de 689.000 mil toneladas. A Holanda foi o principal comprador do grão norte-americano com 130.100 mil toneladas. 

Já as vendas do farelo de soja totalizaram 119.300 mil toneladas, número abaixo do reportado anteriormente pelo órgão de, 250.300 mil toneladas. As exportações do óleo de soja ficaram em 19.700 mil toneladas negativas, na semana anterior o volume divulgado foi de 250.300 mil toneladas. 

No milho, as vendas líquidas somaram, no mesmo período, 49.800 mil toneladas, registrando uma expressiva redução em relação à semana anterior, na qual, foram vendidas 302.600 mil toneladas. O principal comprador foi a China, com 57.500 mil toneladas.

O departamento norte-americano também informou que as exportações semanais do trigo totalizaram 618.100 mil toneladas, número acima do divulgado na semana passada, de 372.600 mil toneladas. Destinos desconhecidos foram os principais compradores, com 128.400 mil toneladas.

Safra 2013/14 Contrariamente, as vendas líquidas norte-americanas de soja, referentes à temporada 2013/14, registraram um aumento, e passaram de 482.000 mil toneladas na semana anterior para 990.600 mil toneladas. A China foi o principal comprador com 934.000 mil toneladas. 

As exportações do milho da safra 2013/14 ficaram em 206.400 mil toneladas, contra 210.000 mil toneladas da semana passada. Destinos desconhecidos foram os principais compradores do cereal norte-americano. As vendas do trigo norte-americano somaram 210.000 mil toneladas, número acima do divulgado anteriormente, de 152.300 mil toneladas.

As informações são do relatório de registro de exportações do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulgado nesta quinta-feira (07). 
Tags:
Por: Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário