Sem trégua das chuvas, avanço do plantio do milho fica abaixo do esperado nos EUA

Publicado em 03/06/2019 17:24
10000 exibições

LOGO nalogo

Nesta segunda-feira (3), o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) trouxe seus números sobre o avanço do plantio nos EUA e, mais uma vez, os dados do milho ficaram aquém do esperado. 

Até o último domingo (2), eram 67% da área plantada no país, contra exepctativas que variavam de 68% a 73%. Na semana passada eram 58%. E o índice segue muito atrasado em relação ao ano passado - quando os EUA tinham 96% do plantio concluído - e frente à média dos últimos cinco anos, que tem os mesmos 96%. 

O ritmo de plantio do cereal bate o recorde de mais lento da história, segundo a especialista internacional Karen Braun. Seu gráfico, a seguir, faz uma comparação do progresso das últimas décadas. 

Milho EUA Karen Braun

O estado de Indiana chama muita atenção pelo atraso no plantio do milho, já que tem somente 18% da área semeada, contra 88% do ano passado e 80% de média dos últimos cinco anos. Illinois em apenas 32%, contra 91% de 2018 e da média plurianual. Ohio também tem somente 18% de semeadura concluída, contra 77% do ano anterior.

EUA Missouri chuvas

Foto: Randy Price, no Twitter -  Campos de milho noCentro-norte do Missouri

Se o plantio está atrasado, a germinação das lavouras do cereal também está. De acordo com os últimos números do USDA, são apenas 46% das plantações que já emergiram, contra 84% do ano passado, nessa mesma época, e da média dos últimos cinco anos. Na semana anterior, eram 32%. 

Karen Braun também compara 2019 às últimas décadas quando o assunto é a emergência das lavouras e o recorde de lentidão também pode ser registrado.  

Germinação milho Karen Braun

 

De soja, a evolução na semana foi de 29% para 39% até este domingo. O número ficou dentro do intervalo esperado de 39% a 44% com o qual o mercado trabalhava. Ainda assim, segue registrando o atraso. Em 2018, nessa mesma época, eram 86% e a média para o período é de 79%. 

Assim como no milho, Illinois e Indiana também chamam muita atenção, assim como Iowa, que tem somente 41% do plantio concluído, contra 91% do mesmo período de 2018. No Missouri, apenas 18% da área da oleaginosa já foi semeadam contra 84% do ano passado e 63% de média dos últimos cinco anos. 

Soja

Gráfico de Karen Braun

O relatório desta segunda informa também que as lavouras de soja que já germinaram somam somente 19%, uma tímida evolução de 8 pontos percentuais na semana. No ano passado eram 65% e a média para o período é de 56%. 

"O produtor segue lutando para tomar suas decisões, se aderem ao programa do Prevent Plant, se migram para a soja ou se estendem um pouco mais o plantio do milho", relata o analista sênior do portal Farm Futures, Bryce Knorr. 

Para Jack Scoville, diretor da Price Futures Group, de Chicago, somente de milho deverão ser mais de 3,6 milhões de hectares (9 milhões de acres). "Para a soja ainda não temos uma perspectiva muito clara, tudo depende do clima agora", diz, em entrevista ao Notícias Agrícolas.

Leia mais:

>> EUA: Janela de plantio está encerrada para o milho e não há estímulo para migração para a soja

Tags:
Por: Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário