USDA reduz em 2% índice de lavouras de milho em boas/excelentes condições; soja se mantém

Publicado em 06/07/2020 17:22 892 exibições

LOGO nalogo

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) trouxe seu novo reporte semanal de acompanhamento de safras nesta segunda-feira (6) com uma redução de 2% no índice de lavouras de milho em boas ou excelentes condições em relação à semana anterior para 71%. O mercado, todavia, esperava uma manutenção dos números. 

Ainda de acordo com o reporte, são 23% dos campos de milho em condições regulares e 6% em situação ruim ou muito ruim. Há uma semana eram 22% e 5%, respectivamente. 

O percentual das lavouras de milho na fase de embonecamento passaram de 4% para 10% na semana, contra 7% em 2019 e 16% de média dos últimos cinco anos. 

SOJA

Na soja, o índice das lavouras em boas ou excelentes condições permaneceu em 71%, como já vinha sendo esperado pelo mercado. Assim, permaneceram ainda os índices de campos em condições regulares em 24% e em situção ruim ou muito ruim, 5%. 

O relatório mostra também que 2% das lavouras da oleaginos já estão em fase de formação de vagens, contra 1% do mesmo período do ano passado e 4% de média dos últimos cinco anos. 

Este é, como explica o consultor de mercado Vlamir Brandalizze, da Brandalizze Consulting, um momento delicado em ambas as culturas - com o começo da formação de espigas no milho e dos canivetinhos na soja -, com os dois estágios não gostando de temperaturas muito elevadas. 

E as previsões atualizadas neste início de semana já sinalizam dias mais quentes e secos em partes do Corn Belt, principalmente entre 13 e 19 de julho. 

Tags:
Por:
Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário