Com mais de 100 mil produtores nos EUA, Climate FieldView se prepara para conquistar mercado de agricultura digital no Brasil

Publicado em 11/09/2017 10:01 e atualizado em 11/09/2017 18:03
3004 exibições
A plataforma de agricultura digital da Monsanto, que já atende mais de 100 mil produtores nos EUA, chega ao Brasil para facilitar e incrementar a coleta de dados e a tomada de decisões nas propriedades rurais

Para mais informações acesse www.fieldview.com.br ou ligue para 0800 707 5580
 

LOGO nalogo

Mateus Barros, líder para a América do Sul da Climate, conversou com o Notícias Agrícolas para contar um pouco mais do Climate FieldView, a nova plataforma de agricultura da Monsanto e do processo de chegada dessa tecnologia no Brasil.

Ele destaca que a Climate foi fundada em 2006 e, após desenvolver uma série de produtos relacionados so clima, foi adquirida pela Monsanto em 2013. Com isso, o Climate FieldView já está disponível nos Estados Unidos há três anos, com mais de 100 mil agricultores que fazem uso dessa tecnologia em mais de 35 milhões de hectares.

No Brasil, o produto está presente há 18 meses. A primeira fase foi de adaptação ao clima tropical e à realidade da agricultura brasileira. Na segunda fase, 117 agricultores de todo o Brasil, com maior concentração no cerrado, foram convidados a testar a tecnologia por 12 meses. Estes agricultores, que utilizaram o produto em primeira mão, ajudaram com suas histórias e informações no aprimoramento do Climate FieldView. Foram 500 mil hectares mapeados com informações de plantio, pulverização e colheita.

Em 30 de maio, o produto foi lançado oficialmente no Brasil e hoje está disponível para todos os agricultores brasileiros e para todas as regiões. O potencial estimado por Barros é de que 50 a 60 mil agricultores possam fazer uso dessa tecnologia no país.

O investimento é de R$15 por hectare e, a medida em que mais hectares forem adquiridos, há descontos sobre este valor. A licença é válida por 12 meses para a plataforma ser utilizada sem limites. O dispositivo, por sua vez, custa R$980, a serem pagos em uma única vez.

Barros convida os agricultores a realizarem o teste. No primeiro ano, aquele que tomar a decisão de adquirir irá ter uma garantia de 6 meses - caso não esteja satisfeito, o dinheiro será devolvido.

São 400 pessoas certificadas e treinadas para suporte local em todas as regiões, além de um time em São Paulo disponível para ajudar o agricultor até mesmo nos finais de semana.

Um ponto de atenção deve ser também a compatibilidade da máquina, que será tema de uma próxima entrevista no Notícias Agrícolas. Contudo, o líder lembra que as principais máquinas do mercado são compatíveis com o Climate FieldView.

Para mais informações, acesse: www.fieldview.com.br

Por: Aleksander Horta e Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário