Nossos primeiros fazendeiros digitais! (claro, só podiam ser jovens)...

Publicado em 08/12/2017 14:17 4328 exibições
entrevista de João Batista Olivi

LOGO nalogo

Perfil dos fazendeiros digitais...

Gabriela Nichel
É produtora de soja e milho irrigado no município de Chiapeta, no Rio Grande do Sul. Tem 23 anos e é engenheira agrônoma. 

Vanessa Bomm
É arquiteta urbanista e produtora rural no Oeste do Paraná. No município de Palotina, ela cultiva soja e milho. 

Cristian Braun e Mártin Braun
Os irmaõs Braun são produtores de soja, milho, milho pipoca, feijão e semente de milho, em Primavera do Leste, no estado de Mato Grosso. Cristian está cursando agronegócios e o Mártin é tecnólogo em mecanização, pós-graduação em produção de sementes. 

O jornalista João Batista Olivi, do Notícias Agrícolas, conversou com os quatro produtores acima, e que estão fazendo uso de agricultura digital que os auxilia na coleta dos dados da lavoura e acompanha a evolução da safra.

Cristian Braun, de Primavera do Leste (MT), é um dos produtores que começaram a utilizar esse sistema em sua versão piloto. Neste tempo, ele identificou que a plataforma oferece uma maior facilidade de acessar os dados que estavam espalhados dentro de seu computador. Nesta safra, ele já consegue visualizar o plantio e toda sua lavoura, e comparar tudo o que o sistema gravou em relação à safra anterior, o que auxilia na hora de realizar os trabalhos.

Seu irmão, Martin Braun, comenta que a conectividade (falta de internet) também não é um problema. O dispositivo pode trabalhar offline e ser sincronizado com a nuvem apenas quando o produtor estiver online, por exemplo perto da sede onde tem sinal de internet. Para ele, a agricultura digital "é um caminho sem volta" e a plataforma oferece "a opção de tomar decisão mais rápido".

A produtora Gabriela Nichel, de Chiapetta (RS), também elogia essa alternativa e define a plataforma como uma ferramenta para "a lavoura conversar com a gente". Para ela, também é uma vantagem poder identificar as zonas com maiores problemas para estes serem corrigidos localmente, fator que também foi apontado por Vanessa Bomm, que produz em Terra Roxa (PR), como algo que ajuda a reduzir os custos, já que pode-se escolher investir mais em algumas áreas em detrimento de outras.

Nichel aponta que essa é uma ferramenta fácil de manusear, que já está sendo utilizada por todos os operadores de sua Fazenda. Para Cristian Braun, o sistema é "autointuitivo". Funcionários que trabalham há mais de 20 anos na propriedade dos Braun também já utilizam a ferramenta, "surpresos com a facilidade do programa".

Na propriedade de Bomm, a plataforma digital foi adotada em maio e já está sendo utilizado para o plantio de milho e soja. Ela observa a diferença por conseguir mapear e diagnosticar facilmente a fazenda. "No momento, essa é a tecnologia do futuro e não tem como ficar sem", diz a produtora.

Climate FieldView™ 

Lançada em 2015, nos Estados Unidos, a plataforma Climate FieldView™, da Climate Corporation está em mais de 48 milhões de hectares com mais de 100.000 usuários nos Estados Unidos, Brasil e Canadá. Ela rapidamente tornou-se a plataforma mais amplamente conectada da indústria e continua a se expandir para novas regiões em todo o mundo. 

Em maio de 2017, a Climate anunciou o lançamento oficial da plataforma no Brasil, disponibilizada no país através da Monsanto. Antes do lançamento, a plataforma foi testada por vários anos com produtores de milho e soja do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia, Paraná, Rio Grande do Sul e Minas Gerais. No curto espaço de tempo desde o seu lançamento no Brasil, a plataforma adquiriu rapidamente mais de 400 mil hectares pagos e continua a revolucionar a agricultura através de poderosas ferramentas de dados. 

 

Tags:
Por:
João Batista Olivi e Izadora Pimenta
Fonte:
Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR

    Sr. JOÃO, PARABÉNS!!! Sabe o que eu vejo nessas imagens: O BRILHO NOS OLHOS DE UM "VELHINHO" !!! Esse brilho é a coisa mais importante na vida do ser humano, pois mostra a energia & o desejo de VENCER. Por isso, reitero... PARABÉNS A VOCÊ !!!

    0