Projeto "Construtores de Solos" é retomado pelo Notícias Agrícolas em parceria com a Embrapa Solos

Publicado em 09/03/2020 14:18
1545 exibições
Iniciativa vai percorrer todo o país, com informações que, além de aumentar a produtividade dos solos produtivos, podem evitar prejuízos que hoje estão na faixa de US$ 12 a US$ 16 bilhões
José Carlos Polidoro - Pesquisador Embrapa Solos

Podcast

Entrevista com José Carlos Polidoro - Pesquisador da Embrapa Solos

Download

LOGO nalogo

Os prejuízos causados por solos mal conservados são enormes e giram entre US$ 12 a US$ 16 bilhões de dólares, é o que afirma José Carlos Polidoro, pesquisador da Embrapa Solos. Grande parte desse prejuízo pode ser revertido ou evitado, já que a agricultura brasileira é uma das mais sustentáveis e conservacionistas do mundo. "Quase todo esse prejuízo é tomado pelo produtor rural, que se adotar boas práticas de manejo, consegue evitá-lo sem a necessidade de grandes investimentos", diz Polidoro.

Frente ao tamanho desafio de informar os produtores rurais sobre essas boas práticas de manejo, o site Notícias Agrícolas retoma o projeto "Construtores de Solos", realizado em parceria com a Embrapa Solos. A iniciativa irá percorrer as principais regiões produtoras do Brasil, levando soluções para a diminuição das erosões e, consequentemente, o aumento de produtividade.

"O objetivo não é procurar culpados, mas sim soluções. Um solo bem manejado além de ser fonte de boas produções, também é fonte de água. A agricultura brasileira já resolveu o problema da alimentação no país, por isso vemos uma cesta básica tão barata hoje em dia. Agora, através da reconstrução de solos, a agricultura também poderá resolver o problema de disponibilidade de água limpa no Brasil", explica.

Veja também: 

>> Encontro de Construtores de Solos do Oeste da Bahia

 

Solos - 16:9
Solos 16:9 Afonso Peche
Imagem do dia - Solos encharcados em Nova Andradina (MS)

 

Tags:
Por:
João Batista Olivi e Ericson Cunha
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário