A História da evolução genética da soja no Brasil, por Francisco Terasawa (FT Sementes)

Publicado em 19/02/2021 18:12 e atualizado em 20/02/2021 08:53 2516 exibições
João Batista Olivi - Jornalista
Participação de Mauricio Terasawa e Jorge Strobel, condução de João Batista Olivi

Podcast

Entrevista com Francisco Terasawa - Mauricio Terasawa - Jorge Strobel sobre a Evolução Genética Da FT Sementes

Download

Cultivares hiper precoces tolerantes à seca, nematoides e às chuvas foram mostrados pela FT Sementes no 2.o showseed da Strobel, em Condor (RS)

Mauricio Terasawa, presidente da FT Sementes, disse hoje, em entrevista ao "Tempo&Dinheiro", que sua empresa de melhoramento genético está oferecendo ao mercado "cultivares com maior teor de lignina nas vagens, mantendo dessa forma a semente mais protegida à interferência da alta umidade, mantendo o grão com peso e qualidade".

-- "São materiais que ajudarão ao produtor enfrentar as adversidades do clima, mantendo alto nível produtivo, seja nos períodos de veranico, ou nos momentos de estresse hídrico no final de ciclo, como está ocorrendo nestas últimas semanas em diversas regiões do Brasil, principalmente no norte e nordeste,  onde a chuva já está atrasando o início da colheita".

-- "A FT Sementes está prestes a comemorar 50 anos de fundação e a nossa busca sempre foi por um material com alto teto produtivo e maior precocidade para todas as regiões do Brasil e países da América Latina", comenta Maurício Terasawa.

-- "Nossos materiais sempre tiveram uma característica muito importante, que é dar ao agricultor a oportunidade de colher bem, mesmo com chuva no período”, acrescenta. 

Outra inovação diz respeito à tolerância aos nematoides. Mauricio Terasawa explica: 

-- "A  Cultivar 4280 IPró,  além de ter baixo fator para nematóides pratilencos, traz precocidade na sua produção. Dessa forma, pode ser utilizada com 100 dias do plantio até a colheita no Piauí e cerca de 110 dias em áreas do centro-oeste.

Essa variedade, segundo Maurício Terasawa, se destaca justamente por oferecer alta produtividade em condições extremas.

- “No Amapá chegamos a colher essa variedade com mais de 3 mil mm durante o ciclo da soja, com apenas 5 por cento de grãos avariados,  enquanto variedades concorrentes se apresentavam com 60 por cento de grãos avariados".

Essas  inovações estão sendo demonstradas nos campos experimentais da Strobel Sementes, na Fazenda das Taipas, localizada em Condor, no interior do Rio Grande do Sul no 2.o Show Seed, que vai até este sábado. A Strobel Sementes estará recebendo grupo de agricultores para o evento com visitas presenciais programadas. 

Strobel sojaStrobel sojaStrobel sojaStrobel sojaStrobel sojaStrobel sojaStrobel soja

Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário