Safra de algodão no Mato Grosso deve ter produtividade superior ao ano passado, mas preocupação com preços é grande

Publicado em 30/06/2020 11:20 988 exibições
Paulo Aguiar - Presidente da AMPA
Produtores já iniciaram a colheita e esperam 295 @ por hectare entre pluma e caroço. Comercialização da safra está em 70%, vendida ainda com bons preços, mas negociações estão paradas no momento já que atuais valores não cobrem os custos de produção

Podcast

Safra de algodão no Mato Grosso deve ter produtividade superior ao ano passado, mas preocupação com preços é grande

Download

LOGO nalogo

A colheita do algodão ainda está muito no início em Mato Grosso, e deve ganhar força a partir do dia 10 de julho, se intensificando na segunda quinzena do próximo mês. As condições de clima até aqui são favoráveis para a colheita, assim como foram para o desenvolvimento das lavouras.

Segundo o presidente da Ampa, Paulo Aguiar, o estado deve ter produtividade média de 295 @ por hectare entre pluma e caroço, superando o resultado da safra passada, apesar das dificuldades enfrentadas no controle do bicudo.

A liderança destaca que 70% da produção já foi negociada com bons patamares de preços, mas o restante está suspenso devido às atuais cotações. Neste momento, a @ valendo 59 cents não cobre os custos de produção e os agricultores aguardam preços de 69 cents.

Além de retardar as comercializações, o atual cenário de preços vai impactar na redução da área cultivada para a próxima safra.

A recomendação de Aguiar é para que os produtores não fechem novas vendas neste patamar de preços que não garantem o fechamento das contas.

Confira a entrevista completa com o presidente da Ampa no vídeo.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário