Início de mês e Dia dos Pais ajudam no aumento da demanda por carne e na melhora das cotações do boi

Publicado em 13/08/2019 11:53 e atualizado em 13/08/2019 14:33
840 exibições
Analista da Scot Consultoria aponta valorização de 0,5% na média das 32 praças acompanhadas, com 70% dos locais registrando altas neste 13 primeiros dias de agosto. Altas devem perder força na segunda quinzena do mês.
Felippe Reis - Analista da Scot Consultoria

LOGO nalogo

No mercado do boi gordo foi registrado um aumento na demanda por carne em função do início de mês e da comemoração do dia dos pais. Diante desse cenário, as referências para o animal tiveram uma valorização 0,05% na média das 32 praças acompanhadas pela a Scot Consultoria.

De acordo com o analista de mercado da Scot Consultoria, Felippe Reis, o mercado atacadista de carne com osso registrou alta nesses dias. “Um movimento que aconteceu devido às indústrias estarem se abastecendo para atender essa demanda crescente do dias dos pais”, comenta.

No fechamento desta terça-feira, foi marcada por uma alta na arroba em São Paulo, na qual teve um ajuste de R$ 0,40/@. “Com dificuldade em conseguir matérias primas, as indústrias frigoríficas tiveram que ofertas valores maiores para conseguir preencher as programações de abate e recompor os estoques”, afirma.

O analista salienta que a tendência é o consumo de carne bovina perder força com a segunda quinzena do mês se aproximando. “Vamos ter que observar como a demanda vai se comportar nas próximas semanas, sendo que vai indicar se vamos ter um cenário de firmeza ou se as cotações vão ficar mais frouxas”, ressalta.

Com relação a exportação, o ritmo está forte nos últimos meses e a expectativa é que esse cenário continue com o dólar com patamares mais elevados. “Caso tenha a abertura de mais plantas habilitadas a exportar para a China pode dar um fôlego a mais para o mercado do boi gordo”, diz o analista.

Por: Guilherme Dorigatti e Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário