Arroba do boi em MS se estabiliza nesta última semana com retração das compras dos frigoríficos; oferta de animais segue curta

Publicado em 03/12/2019 13:59 e atualizado em 03/12/2019 16:35
3543 exibições
Oferta de animais a pasto em MS só deve se normalizar na segunda quinzena de janeiro
Marco Garcia de Souza - Pecuarista na Região de Três Lagoas/MS

Podcast

Mercado do Boi Gordo - Entrevista com Marco Garcia de Souza - Pecuarista na Região de Três Lagoas/MS

Download

LOGO nalogo

No estado do Mato Grosso do Sul, os preços da arroba para o boi gordo se estabilizaram com as indústrias cautelosas para realizar negociações. Diante da alta nos preços da carne no varejo, os frigoríficos que atendem a demanda doméstica tiveram dificuldade para escoar a produção.  

De acordo com o pecuarista, Marco Garcia de Souza, as indústrias locais registraram uma retração nas negociações nesta semana. “Os frigoríficos pequenos que abastecem o mercado interno relatam dificuldade no escoamento da carne no varejo e os compradores do varejo cancelaram algumas compras, isso mostrou o teto por parte dos consumidores”, comenta.

Na localidade, as referências para a arroba estão próximas de R$ 220,00/@ no macho e R$ 200,00/@ na fêmea, mas no estado os negócios para o boi gordo estão ao redor de R$ 230,00/@ e R$ 210,00/@ na fêmea. “Os preços não estão recuando e algumas plantas frigoríficas tentaram oferta de preços menores, mas não houve qualquer registro de negócios realizados”, aponta.

Com relação à oferta de animais a pasto, o pecuarista ressalta que esse cenário só deve se normalizar na segunda quinzena de janeiro. “Com os atrasos das chuvas de quase dois meses vai refletir na oferta de animais a pasto e que deve entrar no mercado somente no final de janeiro”, afirma.

Por: Aleksander Horta e Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário