Café: Atenções da próxima safra voltadas para estiagem em plena florada e ferrugem; colheita 19/20 finalizada

Publicado em 11/09/2019 15:46 e atualizado em 11/09/2019 16:53
902 exibições
A colheita da safra comercial 2019/20 de café do Brasil está praticamente finalizada em Minas Gerais, principal estado produtor do Brasil. As atenções para a próxima temporada já começaram com condições climáticas adversas prestes da florada e ferrugem. Região de Cássia (MG) está há mais de 50 dias sem chuvas.
Leonardo de Oliveira - Engenheiro Agrônomo

Podcast

Entrevista com Leonardo de Oliveira - Engenheiro Agrônomo sobre o Acompanhamento de Safra do Café

Download

LOGO nalogo

A colheita da safra comercial 2019/20 de café do Brasil está praticamente finalizada em Minas Gerais, principal estado produtor do Brasil. As atenções para a próxima temporada já começaram com condições climáticas adversas prestes da florada e ferrugem. Região de Cássia (MG) está há mais de 50 dias sem chuvas.

O Notícias Agrícolas conversou nesta quarta-feira (12) Leonardo de Oliveira - Engenheiro Agrônomo,  de Cássia/MG, para falar um pouco mais sobre a cultura do café na região. Segundo Leonardo a cidade de Cássia teve uma colheita com uma média de 132 mil sacas e a cidade de Ipiraci teve uma média de 305 mil sacas. 

Segundo ele, houve uma quebra em torno de 15 a 20%, principalmente pelo índice de chuva mais alto do que o esperado. E também por uma maior incidência de doenças características da região. "Comprometeu muito a florada, frutos e folhas", afirma. 

O produtor agora já começa a se preparar para a nova safra e a preocupação regional é exatamente com as condições metereológicas. "Nós temos muitas áreas há mais de 50 dias sem chuvas. Lavouras novas estão sentido muito a seca e lavouras velhas também sentem, já que tem sistema radicular superficial", explica. 

Apesar das previsões não serem de chuvas significativas nos próximos dias, o engenheiro explica ainda que além de esperar pelas chuvas, o agricultor precisa estar atento às áreas que tem um índice elevado de ferrugem, para conseguir corrigir o problema o mais rápido possível. E utilizar ainda as ferramentas que estão disponíveis para aumentar a produtividade, como por exempo, fazer um estudo do subsolo. 

Confira a matéria completa no vídeo acima

Por: Jhonatas Simião e Virgínia Alves
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário