Excesso de chuva penaliza início de colheita da soja no Triângulo Mineiro, aponta Cropview

Publicado em 07/03/2019 13:00 e atualizado em 08/03/2019 08:24
361 exibições
Produtores já relatam perdas com apodrecimento das vagens e brotamento dos grãos
Cristina Queiroz - Rural Tecnologia

Podcast

Entrevista com Cristina Queiroz - Rural Tecnologia sobre o CropView

Download

LOGO nalogo

As chuvas intensas que acontecem em grande parte do país nos últimos dias vem prejudicando as safras brasileiras. Especialmente em um período de colheita da safra de verão, os produtores rurais estão sendo os impactos diretos dos altos índices pluviométricos.

“Não bastasse um veranico que foi maior do que o esperado, de repente a chuva volta e em um volume que atrapalha na soja que estava para ser colhida no final de fevereiro. Dependendo do estágio do desenvolvimento da lavoura, se ela estava entrando na maturação para colheita houve penalização, para quem já estava mais avançado próximo da colheita, ouve perda de lavouras”, diz Cristina Queiroz da Rural Tecnologia.

Entre as regiões mais atingidas está o triângulo mineiro, que registrou inclusive casos de perdas nas lavouras com apodrecimento de vagens e brotamento dos grãos.

De acordo com os dados da Oráculo Meteorologia, as chuvas intensas devem prosseguir durante o mês de maio, de maneira espaçadas, mas ainda em volumes altos de concentração em diversas regiões do Brasil, pelo menos até o próximo dia 11 de março.

Confira a entrevista completa no vídeo.

Por Aleksander Horta e Guilherme Dorigatti
Fonte Notícias Agrícolas

Nenhum comentário