DA REDAÇÃO: Chuvas regulares só devem ocorrer a partir da segunda quinzena de outubro, mas ainda é difícil saber o volume

Publicado em 30/09/2014 17:03 e atualizado em 30/09/2014 18:26 1004 exibições
Clima: chuvas regulares só devem ocorrer a partir da segunda quinzena de outubro nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e parte do Nordeste. Segundo o INPE, não existe nenhum fator que comprometa a ocorrência de um regime normal de chuvas. Mas prever o volume das precipitações nos próximos meses é muito difícil.

Com o início do período de plantio para a safra de verão, os produtores rurais ficam atentos às informações de clima, principalmente com a mudança de estação. Mas segundo o meteorologista do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), Gilvan Sampaio, para algumas regiões do país não é possível realizar previsões de longo prazo.

É possível realizar uma antecipações de clima mais concreta para as regiões do leste da Amazônia, norte da região nordeste e sul do país por terem influência direta da temperatura dos oceanos Pacífico e Atlântico. Já para as regiões sudeste, centro-oeste e sul do nordeste, a situação passa a ser mais complicada por haver mais aspectos que definem o clima nestes locais. Segundo Sampaio, é possível realizar previsões de frentes frias com dez dias de antecedência para estas localidades, enquanto para volumes de chuvas isoladas com apenas três dias antes da ocorrência.

Por outro lado é possível realizar a análise de alguns elementos para definir a transição de um período de tempo mais seco para uma estação mais chuvosa. Nos próximos dias, não há volumes previstos para a região sudeste, mas não há nenhum fator que impeça a regularidade das chuvas a partir da segunda quinzena de outubro. Na região sul, onde a previsão é mais concreta, há indícios da formação de el ñino que trará volumes mais significativos.

Para Sampaio, os padrões meteorológicos estão mudando, e possivelmente, o período de seca está se aproximando do fim, o que trará uma regularidade maior de chuvas para o país. 

Clique aqui e veja também a previsão do tempo realizada pela Somar Metereologia para a próxima estação. 

 

Por:
Aleksander Horta// Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário