Acordo Mercosul e UE coloca em xeque setor leiteiro no Brasil e exige reestruturação rápida para maior competitividade

Publicado em 02/09/2019 12:15
1584 exibições
China deve se tornar parceiro comercial importante do setor de lácteos enxugando excedente do mercado e ajudando a ajustar preços do leite e seus derivados
Alexandre Guerra - Presidente da SINDILAT

Podcast

Acordo Mercosul e UE coloca em xeque setor leiteiro no Brasil e exige reestruturação rápida para tornar produto brasileiro mais

Download

 

Tags:

1 comentário

  • Cácio Ribeiro de Paula Bela Vista de Goiás - GO

    Para um mercado repleto de complexidades como o de lácteos, sugiro não ficar entrevistando apenas representantes do setor industrial dessa ou daquela região...

    É muito pouco!!!

    No universo lácteo demanda-se e exige-se muito mais!!!

    Para o bem de todos!!

    1
    • EDMILSON JOSE ZABOTT PALOTINA - PR

      No caso da cadeia produtiva do leite, tudo o que fizeram até agora foi destruir o produtor, isso em todos os elos da cadeia, indústria de medicamentos , rações, laticínios , transporte etc.... Estes até agora aproveitaram do produtor na sua simplicidade . A questão do acordo da UE não deve ser mais trágico do que estes que acima mencionei. Uma atividade milenar, de extrema importância na formação de uma família e sua sociedade. A atividade em que colonizadores levavam em seus caminhões de mudanças, nunca faltou uma vaca p alimentar a família ..

      Atividade que ainda hoje gera milhões de empregos, não só da porteira para dentro, mas em todos os elos da produção....

      Portanto está na hora das instituições acima mencionadas mais o Governo federal, através do Ministério da Agricultura, não usar mais está cadeia produtiva como moeda de troca para acordos comerciais internacionais.

      0