Emater aponta aumento na área plantada de trigo no RS, mas estima queda na produção e produtividade

Publicado em 06/06/2019 10:47 e atualizado em 06/06/2019 14:08
180 exibições
Engenheiro Agrônomo da Emater aponta que produtor do estado deve realizar todos os tratos culturais conforme o planejado, pois clima ainda pode ajudar o desenvolvimento da cultura até o momento da colheita.
Alencar Paulo Rugeri - Engenheiro Agrônomo da Emater/RS

Podcast

Acompanhamento de Safra do Trigo - Alencar Paulo Rugeri - Engenheiro Agrônomo da Emater/RS

Download

LOGO nalogo

A Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural) divulgou seu boletim de atualização para as safras do Rio Grande do Sul e apontou os dados da primeira estimativa de safra de grãos de inverno/2019.

Segundo a pesquisa que foi realizada na primeira quinzena de abril, com uma amostra é de 246 municípios, abrangendo aproximadamente 90% da área de cultivo, a área plantada de trigo no estado deve ir dos 710.158 registrados em 2018 para 739.403, um acréscimo de 4,12%.

Apesar do aumento na área, a Emater estima que a produtividade geral do Rio Grande do Sul deve ficar em 1.620.894 toneladas, uma queda de 7,54% com relação à última safra que produziu 1.753.099. A produtividade também deve ter queda de 11,21% e ficar em 2.192 quilos por hectare.

De acordo com Paulo Alencar Rugeri, engenheiro agrônomo da Emater, apesar dessa estimativa de queda, as variações climáticas ao longo do ciclo de desenvolvimento do trigo e a qualidade do manejo efetuado pelo produtor poder interferir para ampliar o montante produzido ao final da colheita.

Confira a íntegra da entrevista com o engenheiro agrônomo da Emater/RS no vídeo.

Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário