Plantio do trigo foi finalizado em Tupanciretã/RS e produtores esperam safra com qualidade e rentabilidade

Publicado em 16/07/2020 11:12 e atualizado em 17/07/2020 10:31 612 exibições
José Domingos Teixeira - Coordenador do Núcleo da Aprosoja de Tupanciretã
Primeiras aplicações de defensivos devem começar nos próximos dias com produtores atentos ao surgimento de doenças como manchas e ferrugem. Preços atrativos estimularam aumento de até 21% na área cultivada para esta safra

Podcast

Plantio do trigo foi finalizado em Tupanciretã/RS e produtores esperam safra com qualidade e rentabilidade

Download

LOGO nalogo

O plantio da safra de trigo já foi concluído na região de Tupanciretã no Rio Grande do Sul. O mês de maio apresentou condições bastante favoráveis para a semeadura, enquanto junho teve condições mais úmidas, gerando algumas dificuldades para o termino das atividades.

Segundo o coordenador do núcleo da Aprosoja RS em Tupanciretã, José Domingos Teixeira, a área cultivada nesta safra subiu até 21% com os produtores estimulados pelos preços altos de venda do trigo.

Agora o foco se volta aos manejos e controle de doenças, com as primeiras aplicações devendo começar nos próximos dias. O coordenador destaca que os produtores precisam ficar atentos as manchas, ferrugem e giberela, dependendo do material genético utilizado, já que o estado planta 23 cultivares diferentes.

Domingos relata ainda que, até o momento, as lavouras da região estão com nota entre 8 e 8,5, mas como apenas 20% do ciclo já se passou, o resultado final vai depender do nível de investimento e cuidado de cada produtor até a colheita, que deve acontecer entre 15 de outubro e o começo de novembro.

Confira a entrevista completa com o coordenador do núcleo da Aprosoja RS em Tupanciretã no vídeo.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário