"Demanda reprimida por máquinas vai ser compensada logo mais, e vai crescer com força", prevê a Mahindra

Publicado em 03/04/2020 15:01 e atualizado em 03/04/2020 19:00 592 exibições
Jak Torretta - CEO da Mahindra
Entrevista com Jak Torretta - CEO da Mahindra sobre o Marcas e Máquinas

Podcast

Entrevista com Jak Torretta - CEO da Mahindra sobre o Marcas e Máquinas

Download

A Mahindra, fabricante multinacional indiana de tratores, transmite ao mercado uma mensagem de tranquilidade nesse momento de mar revolto na economia mundial. Sua unidade no Brasil, operando há 3 anos no País, tem comportamento semelhante e trabalha com a perspectiva de que, tão logo esse momento de crise passe, o mercado de máquinas agrícolas voltará a crescer.

-- "Crescemos acima do esperado no começo do ano, agora veio a crise, mas entendemos que a demanda ficou reprimida, portanto, quando voltarmos, a curva vai inverter", diz Jak Torretta Jr, CEO da Mahindra Brasil, em entrevista ao repórter Frederico Olivi do Programa Marcas e Máquinas. 

-- "A  comercialização está reprimida por diversos fatores, inclusive pela falta de avaliação de crédito por parte dos bancos e instituições que também estão seus colaboradores em home-office e, claro, pela momento de retração natural da economia; nosso produtor rural, nesse instante, está procurando manter seu capital aplicado. Depois ele voltará às compras", prevê Torretta.

A Mahindra fechou seu ano fiscal em março numa condição muito melhor do que foi registrado em 2019. Obteve  67% de aumento em vendas. 

--"O produtor rural entendeu a nossa proposta de oferecer uma máquina robusta, com um motor econômico e que atende perfeitamente esses agricultores de pequenas e médias áreas de produção agrícola". Com foco na Agricultura famíliar a Mahindra apresentou nesta semana uma campanha reforçando seu apoio a esses agricultores, com a mensagem que a Mahindra para esses tempos difíceis "O Agro é a Solução".

- O momento é difícil, reconhece Jack Torretta, sabemos disso, "mas o agricultor está trabalhando, então nós da Mahindra e nossos revendedores estamos juntos nessa jornada, apoiando para dar o melhor suporte, porque não podemos deixar que haja desabastecimento de alimentos no mundo e no Brasil; e são esses agricultores, das pequenas e médias áreas de produção estão lá na linhas de frente, trabalhando confiante;

--" Nossas máquinas estão lá, no campo,  para ajudar o agricultor brasileiro", completa o CEO da Mahindra.

Fonte:
Marcas e Máquinas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário