Inpe confirma redução de 23% nos focos de incêndio no Bioma Amazônia em relação a 2019 e queda de 10% na comparação de 20 anos

Publicado em 10/07/2020 15:37 e atualizado em 10/07/2020 16:28 2900 exibições
Nelson Ananias Filho - Coordenador de Sustentabilidade da CNA
O pior momento das queimadas ainda está por acontecer (Agosto), mas só o fato de iniciarmos esse período com menor número de focos já é um bom indicativo

Podcast

Entrevista com Nelson Ananias Filho - Coordenador de Sustentabilidade da CNA sobre as Queimadas na Amazônia

Download

 

Por:
Aleksander Horta
Fonte:
Notícias Agrícolas

2 comentários

  • Jerson Carvalho Pinto Cuiabá - MT

    Pois é, redução nas queimadas de 23% em relação a 2019, e o pessoal da Globo, ontem, no Globo Rural, disse que o mesmo Inpe informou que ouve um aumento de mais de 20% em relação a 2019, na Amazônia. Prefiro acreditar no Notícias Agrícolas...

    4
    • Joacir A. Stedile Passo Fundo - RS

      O INPE é aparelhado!

      4
    • claudio dos santos mattos São Miguel do Iguaçu - PR

      Só que o Paraguai nao tem quase teste de convid... a subnotificaçao é alta... também moro aqui.

      0
    • Jerson Carvalho Pinto Cuiabá - MT

      Pois é Joacir, mas o N.A. é uma fonte de informação muito mais confiável que a Globo..., não estou desmerecendo os apresentadores da Globo, mas eles seguem a orientação da empresa, e a empresa é uma droga......

      0
  • Valdonir teixeira Criciúma - SC

    Estamos sob fogo cerrado de boa parte da Europa. E sem dados e fontes confiáveis, nao tem como defender-se... tudo e todos mostram fotos de satélite provando o contrario.

    4
    • Petter Zanotti Assis - SP

      Valdomiro, esse discurso da Europa já perdeu completamente a relevância: foi divulgado na imprensa européia que as queimadas na Europa aumentaram em relação ao ano passado e estão destruindo o pouco de vegetação nativa que sobrou, que não passa dos 3%!!!

      0