Bolsonaro posiciona-se para nova ofensiva, análise por Paulo Moura, cientista político do canal Dextra

Publicado em 25/05/2022 08:43
Paulo Moura
A mudança no ministério das Minas e Energia e na Petrobras, a tentativa de atrair o União Brasil para sua coligação eleitoral e a bateria de comercias de TV do PL e do PP em junho marcam a nova ofensiva do presidente para buscar a liderança nas pesquisas.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário