EUA: Áreas de seca ainda preocupam e estimativa da AgResource para perdas na soja passam de 3,5 mi de t

Publicado em 04/08/2017 14:11 e atualizado em 05/08/2017 16:25
8056 exibições
USDA poderia trazer, no próximo dia 10, aumento das exportações da safra velha - resultado de uma demanda ainda intensa - além de uma menor produtividade para a soja e o milho. Com as perdas sendo confirmadas, preços têm potencial para recuperar o patamar dos US$ 10 por bushel e até mesmo superá-lo.
Confira a entrevista com Matheus Pereira - Analista de Mercado da AgResource Chicago, IL - EUA

Matheus Pereira, analista da AgResource, destaca que o estado de Iowa passou por um mês de julho extremamente seco, com apenas 30% das chuvas previstas na média. Havia uma expansão da seca presente nos mapas de julho e, apesar da previsão de chuvas para os próximos dias, o cenário ainda não é agradável para o produtor norte-americano, especialmente para o oeste do cinturão agrícola.

Chuvas Julho

Ele lembra que as lavouras tiveram um plantio mais tardio neste ano, com excesso de água que impediu o avanço. Com isso, o mês de agosto conta com uma safra menos desenvolvida do que no ano passado. Grande parte da soja está em período de enchimento de grãos, no qual as chuvas são importantes, ao mesmo tempo em que as lavouras sentem o impacto da falta de água no mês anterior.

Soja - Seca

Milho seca

A soja tem, pelo menos, mais 20 dias para consolidar sua safra. As chuvas previstas vêm em grande volume, mas não cobrem o cinturão agrícola. As áreas nas quais a seca está presente não devem receber volumes significantes, principalmente em Iowa.

Depois de 15 dias, as chuvas começam a se retrair, concentrando-se na costa leste. Com isso, toda a equipe da AgResource aposta que o mercado ainda vai recuperar e aguarda por números altistas no próximo relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), a ser divulgado em 10 e agosto.

De acordo com as estimativas da AgResource e de outras agências, a soja tem potencial de chegar a US$10,50/bushel novamente, com o USDA aumentando os números de exportação para a safra 2016/17 em seu próximo relatório. O órgão também deve trazer uma produtividade para a safra atual por volta das 52,7 sacas por hectare, o que resultaria em uma safra de 113,2 milhões de toneladas. A AgResource, por sua vez, prevê uma produtividade de 52,2 sacas por hectare.

Exportações EUA

Os números a serem divulgados pelo USDA no dia 10 devem estar um pouco mais próximos da realidade, já que é o primeiro relatório do ano no qual o USDA vai a campo para realizar pesquisas sobre a safra.

Mapas AGR

Pereira salienta que o momento atual exige paciência do produtor brasileiro, por conta das altas e baixas no mercado. "Não é momento de ficar assustado ou ansioso", diz.

Por: Carla Mendes e Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

5 comentários

  • Márcio José Gasparelo Rio Verde - GO

    Eu queria arrumar um poucos dessas sementes de soja americana, pois elas foram plantadas em solo encharcado, depois sofreram o mes de junho e julho secos (a "pior seca desde 2012"), depois da uma chuva no final de julho a soja deve produzir quase 54 sc/ha... com isso a soja perde quase 1 dólar por bushel em 3 dias e o agricultor brasileiro fica no prejuízo... esse USDA e essas consultorias serve só pra especular ... depois q os americanos vendem sua produção eles vem com tendência baixista e o fumo fica com o produtor brasileiro .. será q a soja americana é melhor (Vale mais) q a brasileira ou essas consultorias são todas uma fraude........?

    1
    • NIVALDO PORFIRIOALVORADA DO SUL - PR

      Muito verdadeiro o seu. comentário. A gente so fica sabendo da situacao real depois que nossa safra ja esta nas maos dos atravessadores Entra ano, sai ano, sempre é a mesma coisa.... vai saber o que há por trás destas "consultorias"...

      0
    • NOEDIR JOSÉ KARAM MARCONDES (DIAMANTINO/MT)DIAMANTINO - MT

      Engraçado que até hoje na manhã a soja tinha tudo para ir há 11 dólares... agora o Michel diz que os EUA vão colher 4 milhões de ton..., acreditar em quem??.. aff.

      0
    • NOEDIR JOSÉ KARAM MARCONDES (DIAMANTINO/MT)DIAMANTINO - MT

      Onde está Michel?, é mercado...

      0
  • Carlos Alberto Erhart Sulina - PR

    Soja agora valendo 58 reais a saca... se voltar aos R$ 64 como tinha ido esses dias torro o resto, pois não acredito que possa subir muito esse ano.

    0
  • Narcio Baldi Sao Paulo - SP

    Eu quero é que pegue fogo...

    5
    • CARLOS WILLIAM NASCIMENTOCAMPO MOURÃO - PR

      Infelizmente existe uma verdade no seu comentário.. se todos produzirem bem, não temos rentabilidade... O prêmio que o produtor tem por ser eficiente é receber pouco por aquilo que produz. Os vendedores de insumos vem com aquele discursinho piegas que nós alimentamos o mundo, mas na verdade está difícil sustentarmos nossas famílias. Os frutos do nosso trabalho ficam com as indústrias, processadores de alimentos e revendas de insumos. Os restos ficam para nossas famílias. Vejo aqui alguns comentários de como mudar isso. Não é fácil. Temos que chamar a atenção. alguns dizem que deveríamos deixar de plantar uma parte de nossas terras. Mas isso é impossível. Agricultor tem que plantar para sobreviver. Mas se não podemos parar de plantar, podemos parar de comprar, ou comprar menos. Deixemos de comprar aquela máquina nova neste ano. deixemos de comprar aquele fertilizante foliar duvidoso, aquele tratamento de semente milagroso, aquele inseticida de marca, e assim por diante. Sabemos muito bem produzir com menos. Pensem nisso. Nós não temos força política nenhuma, mas aqueles sangue sugas que vivem do nosso suor tem muito poder. Vamos fazê-los sofrer, que no final terão que lutar pela nossa sobrevivência.

      0
    • NARCIO BALDISAO PAULO - SP

      Isto quando eles não manipulam noticias pra baixar ou subir o preço das commodities...

      1
  • Tales Ricardo Roso Vila Maria - RS

    Acredito que para soja voltar aos patamares de R$ 73,00 a R$ 75,00 para o produtor, os EUA teriam que ter uma quebra superior a 18 mi de ton... isso devido ao estoque mundial..

    9
  • Marcilio Fernandes Marangoni Araguaína - TO

    Parem de mentir, olhem a bolsa, soja despencou.

    3