Com 15% da safra colhida, Bahia apresenta produtividades muito variadas de 30 à 70 sacas por hectare

Publicado em 07/03/2019 10:38 e atualizado em 07/03/2019 11:36
502 exibições
Colheita da soja na Bahia deve avançar até dia 10 de abril e expectativa da Aprosoja é de produtividade na casa das 54 sacas, dentro da média histórica para o estado. Atualmente, 42% da safra já está negociada.
Alan Juliani - Presidente da Aprosoja Bahia

Podcast

Entrevista com Alan Juliani - Presidente da Aprosoja Bahia sobre o Acompanhamento de Safra da Soja

Download

LOGO nalogo

A colheita da soja na Bahia já avançou para 15% do total da área plantada e, após sofrer com condições climáticas adversas como veranico e chuvas muito irregulares, os produtores baianos estão encontrando produtividades bem variadas, indo de 30 sacas por hectare até 70 sacas.

“Esse ano a produtividade está igual as chuvas de dezembro e janeiro, muito irregulares. Varia muito com relação a data de plantio e precocidade da variedade. A produtividade deve melhorar a partir da semana que vem que vão entrar as sojas de ciclo normal e as lavouras mais tardias”, conta Alan Juliani, presidente da Aprosoja da Bahia.

Os trabalhos de colheita devem seguir até o dia 10 de abril e a expectativa da entidade é de produtividade média na casa das 54 sacas, dentro da média histórica para o estado.

Até o momento, 42% da safra 2018/19 já foi negociada pelos produtores baianos e a projeção é que os preços de venda subam além dos atuais R$ 68/69 com uma possível definição na guerra comercial entre Estados Unidos e China e para refletir a queda de produtividade nacional.

Confira a entrevista completa no vídeo.

Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário