Além de protocolo de boas práticas, Dicamba terá uma 'bula' para que haja segurança nas aplicações

Publicado em 05/12/2019 13:26 1598 exibições
Ulisses Antuniassi - Prof. Agronomia da UNESP
Professor Ulisses Antuniassi lidera grupo que está testando a volatilidade e a deriva do novo Dicamba

Podcast

Além de protocolo de boas práticas, Dicamba terá uma "bula" para que haja segurança nas aplicações

Download

LOGO nalogo

Em Primavera do Leste/MT, o professor Ulisses Antuniassi, da Unesp de Botucatu/SP, é o líder de um grupo que está testando os níveis de deriva e volatilidade no uso do Dicamba. O estudo faz parte de um protocolo de uso da plataforma Intacta 2 Xtend®, desenvolvida pela Bayer.

A pesquisa já fez diversos ensaios em duas safras, o que permite que os especialistas liderados pelo professor gerem um modelo matemático para garantir eficiência na utilização do produto. Essa espécie de "bula" fará parte do protocolo de boas práticas, que deverá ser utilizado pelos produtores rurais quando forem utilizar a plataforma, potencializando sua eficácia.

Veja também:

>> Entramos numa área controlada da Intacta 2 Xtend e vimos a soja da safra 21/22

>> Perguntamos ao líder da XTend: 'O produtor vai ficar escravo do Dicamba?' Veja a resposta...

Tags:
Por:
João Batista Olivi e Ericson Cunha
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário