HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Colheita da soja segue em Laguna Carapã/MS e produtores se preocupam com produtividade das últimas áreas cultivadas

Publicado em 26/02/2020 10:49
1344 exibições
Cerca de 20% da área foi plantada tardiamente e deve ter queda na produtividade. Situação para a segunda safra de milho também preocupa já que parte das lavouras será cultivada fora da melhor janela na região.
Antônio Rodrigues Neto - Técnico Agrícola da Casa da Lavoura de Dourados

Podcast

Colheita da soja segue em Laguna Carapã/MS e produtores se preocupam com produtividade das últimas áreas cultivadas

Download

LOGO nalogo

Os produtores de Laguna Carapã no Mato Grosso do Sul seguem colhendo a soja da safra 2019/20 e os resultados obtidos variam muito de acordo com a época de plantio. As primeiras áreas, semeadas no final de fevereiro, tiveram produtividades entre 18 e 25 sacas por hectare, chegando a, no máximo, 40 sacas.

As próximas áreas, que estão sendo colhidas agora, registram médias entre 60 e 70 sacas por hectare. Mas são os 20% finais que mais preocupam na região.

De acordo com o técnico agrícola da Casa da Lavoura de Dourados em Laguna Carapã/MS, Antônio Rodrigues Neto, essas lavouras plantadas tardiamente enfrentaram uma severa seca e a produtividade deve ser muito afetada. Inclusive alguns produtores já acionaram seus seguros agrícolas para estas lavouras.

Sendo assim, a expectativa é que a produtividade média da região fique entre 20 e 25% menor do que as 58 sacas por hectare registradas na safra passada 2018/19.

Mesmo assim, as condições de mercado animam os produtores que conseguem boas oportunidades de vendas entre 74 e 75 reais a saca.

Outra preocupação fica para a segunda safra de milho. Neto destaca que o plantio do cereal pode ir até o dia 20 de março, mas a melhor janela na região se encerra no próximo dia 5. Com isso, boa parte das áreas deve ficar fora do período ideal e demandar mais atenção por parte do produtor para o controle eficaz de pragas e doenças.

Confira a íntegra da entrevista com o técnico agrícola da Casa da Lavoura de Dourados em Laguna Carapã/MS no vídeo.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário