BOI: Pressão baixista continua, puxada pelos recuos no mercado atacadista

Publicado em 23/01/2012 15:58 813 exibições
Gustavo Adolpho Maranhão Aguiar
zootecnista
Scot Consultoria

Início de semana lento para o boi gordo. Muitas indústrias estão fora das compras.

A pressão baixista, puxada pelos recuos no mercado atacadista de carne bovina, continua.

Das 31 praças pesquisadas, houve recuo para o boi gordo em oito. Porém, a oferta de animais não é excessiva e regula os preços, evitando maiores quedas.

O equilíbrio entre os preços sem sustentação para a carne e a oferta moderada de animais terminados mantém o mercado controlado.

Em São Paulo a escala média de abate atende de 3 a 4 dias. A referência está em R$97,50/@, à vista, livre de imposto.

Tal valor é 2,5% menor que o registrado há exatamente um ano.

Fica a expectativa de como se comportará o consumo nesta semana e no início de fevereiro. Este será um fator determinante para a precificação do boi gordo no curto prazo.

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário