Boi: Cenário é de pressão baixa, com desvalorização em algumas praças

Publicado em 15/03/2013 17:05
970 exibições
Hyberville Paulo D´Athayde Neto
médico veterinário
Scot Consultoria


Mercado lento em São Paulo. O cenário é típico de sexta-feira.

As escalas no estado atendem entre três e quatro dias, na maioria dos casos. Existem empresas com falhas nas escalas. A oferta de animais está ajustada à demanda e não tem permitido pressão de baixa mais contundente no estado. 

Por outro lado, a margem de comercialização das empresas em encurtamento não aumenta a demanda por bovinos e mantém o mercado travado.

O cenário geral é de pressão de baixa. Houve desvalorizações em sete das trinta e uma praças pesquisadas. 

Em Campo Grande e Três Lagoas houve valorizações e o preço do boi gordo está em R$92,00/@, à vista. Parte deste aumento nos preços se deve à demanda das empresas paulistas, principalmente na região de Três Lagoas, próxima a São Paulo. 

No mercado atacadista a demanda está fraca, notadamente para o traseiro. As cotações estão estáveis. 

Clique aqui e confira as cotações do boi
Fonte Scot Consultoria

Nenhum comentário