Boi Gordo: Mesmo com feriado, demanda interna da carne não melhora

Publicado em 12/08/2013 17:00 e atualizado em 12/08/2013 18:49
792 exibições

A análise do Banco Espírito Santo Research sobre o mercado do boi gordo mostra que, a demanda por carne bovina no mercado interno não teve a recuperação esperada para o dia dos pais, principalmente em função da perda do poder aquisitivo e da competição com a carne de frango e suínas, cujos preços reduziram desde o inicio do ano.

Abaixo, veja a análise diária da Scot Consultoria:

Boi Gordo: No sul, frio compromete pastos e incentiva a oferta de animais

Maisa Modolo Vicentin
engenheira agrônoma
Scot Consultoria

Mercado do boi gordo parado nesta segunda-feira. 

Os pecuaristas aguardam uma maior definição dos preços antes de ofertarem as boiadas.

As indústrias iniciaram a semana com programações de abates maiores, de quatro a seis dias.

A menor movimentação no mercado atacadista de carne bovina com osso, somada à maior folga nas programações de abates, diminui a necessidade de compra dos frigoríficos.

No Paraná e Rio Grande do Sul, o frio das últimas semanas comprometeu parte dos pastos, incentivando a oferta de animais. 

As cotações estão pressionadas.

Em Goiás, Mato Grosso e São Paulo, a oferta de animais de confinamento é um dos fatores baixistas no mercado.

Clique aqui e confira as cotações do boi.

 

Fonte: Banco Espírito Santo + Scot

0 comentário