Boi Gordo: Em Dourados - MS, existem ainda indústrias que ofertam R$105,00/@, à vista.

Publicado em 08/11/2013 16:00 773 exibições

Alex Santos Lopes da Silva
zootecnista
Scot Consultoria


Está mais difícil comprar boiadas.

Nos últimos dias aumentou a dificuldade das indústrias para alongarem suas escalas de abate. Há menos oferta de boiadas de cocho. É provável que o período de maior entrega destes animais tenha passado. 

Isto forçou os compradores, que testavam o mercado nos preços menores, a mudar de estratégia.

A estabilidade observada na maioria das praças, pelo segundo dia consecutivo, vem da forte resistência das indústrias em ceder à pressão do mercado para preços maiores.

Em São Paulo, a apesar de existirem escalas completas por somente dois dias e demanda por carne em crescimento, ofertas maiores, mesmo de R$1,00/@ acima da referência, são difíceis de ocorrer.

Isso tem recuperado a margem dos frigoríficos.

Em Dourados, em Mato Grosso do Sul, apesar da valorização, existem ainda indústrias que ofertam R$105,00/@, à vista.

No mercado atacadista de carne bovina, o boi casado de animais castrados teve alta por três dias ao longo da semana e acumulou valorização de 1,4% no período.

Clique aqui e confira as cotações do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário