Boi Gordo, por Scot Consultoria: Sem freio na praça paulista

Publicado em 29/10/2020 17:22 663 exibições

Rodrigo Queiroz

Scot Consultoria

Com escalas de abate curtas, as indústrias frigoríficas começaram esta quinta-feira mais compradoras.

Com um dia a menos na próxima semana, devido ao feriado, as indústrias paulistas abriram o dia pagando mais pelo boi gordo novamente. Na comparação diária a alta foi significativa, de R$3,00/@, com o boi gordo cotado em R$274,00, preço bruto e à vista, R$273,50 com desconto do Senar e R$270,00 com desconto do Senar e Funrural.

Para os animais jovens, cujo destino é o mercado chinês, as ofertas de compra chegam a R$276,00/@ bruto e à vista. O ágio pago na cotação do boi com padrões para exportação voltou a se estreitar.

Goiânia - GO

Na região de Goiânia, a cotação do boi gordo subiu 0,8% na comparação dia a dia, ou R$2,00/@, e ficou cotada em R$258,00/@, considerando o preço bruto, a prazo, R$257,50/@, com desconto do Senar, e R$254,00/@ com desconto do Funrural e Senar.

Cenário geral

Das 32 praças monitoradas pela Scot Consultoria, houve alta em 24.A falta de animais terminados associadaa escalas de abate curtas eàdemanda internacional aquecida vêm pressionando significativamente as cotações.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário