Mercado do boi gordo segue com oferta pequena de animais

Publicado em 28/01/2011 15:57 1056 exibições

Hyberville Paulo D´Athayde Neto
médico veterinário
Scot Consultoria

Oferta pequena de animais.

Além da pouca disponibilidade, a sexta-feira tipicamente é de menor volume de negócios.

Em São Paulo, a maior parte dos frigoríficos compra para o meio da próxima semana. As escalas não estão confortáveis, na maioria dos casos.

No Norte do Mato Grosso a pouca oferta e as chuvas atrapalhando embarques fizeram o preço do boi gordo subir. O preço referência é R$90,00/@, a prazo, livre de imposto.

Após o recuo de 3% na média das cotações do varejo em São Paulo, a demanda parece ter reagido. Isto teve reflexo positivo nos preços do atacado com osso. Houve reajuste para traseiros e dianteiros. 

O traseiro avulso subiu 0,6% e é negociado por R$7,85/kg. Apesar de sutil, a valorização interrompeu a sequencia de quedas que vinham ocorrendo desde o dia 5/1.

O dianteiro avulso está cotado em R$4,65/kg, alta de 3,3%. A ponta de agulha (charque) é negociada por R$4,35, recuo de 1,1%.

Se o mercado atacadista começar a semana firme, os frigoríficos devem sair mais agressivos às compras, uma vez que as escalas, de modo geral, estão curtas.

Clique aqui e confira as cotações do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário