CAFÉ: Primeira semana do ano foi calma para os negócios

Publicado em 04/01/2013 16:57 710 exibições
Em 2013, no dia cinco de junho, este Boletim Semanal completará oitenta anos de circulação ininterrupta.

Como esperado, a primeira semana do ano foi calma para os negócios de café. No dia 2, depois dos feriados de ano novo, os mercados ao redor do mundo foram reabertos mais calmos com o acordo parcial de ajuste nas contas públicas americanas. Mesmo incompleto, o acordo que saiu nos últimos minutos do prazo fixado, trouxe alivio aos mercados ao evitar a queda dos EUA no “abismo fiscal” e em mais uma recessão. A segunda rodada de negociações deverá começar depois da posse do Presidente Barack Obama em seu segundo mandato, no próximo dia 21.

Acompanhando o movimento generalizado, os contratos de café na ICE Futures US, em Nova Iorque, fecharam o primeiro pregão do ano, no dia 2, em forte alta. Ontem perderam parte dos ganhos e hoje, sexta-feira, depois de muita oscilação no decorrer do pregão, voltaram a fechar em alta.

O mercado físico brasileiro praticamente não abriu nestes três primeiros dias úteis de 2013, com compradores e vendedores adiando os negócios para a próxima semana. Até o dia 31 os embarques de dezembro estavam em 2.330.727 sacas de café arábica e 70.174 sacas de café conillon, somando 2.400.901 sacas de café verde, mais 267.175 sacas de café solúvel, contra 2.007.345 sacas no mesmo dia de novembro. Até o dia 31, os pedidos de emissão de certificados de origem para embarque em dezembro totalizavam 2.736.209 sacas, contra 2.452.945 sacas no mesmo dia do mês anterior.

A bolsa de Nova Iorque – ICE, do fechamento do dia 28, sexta-feira, até o fechamento de hoje, sexta-feira, dia 4, subiu nos contratos para entrega em março próximo, 50 pontos ou US$ 0,67 (R$ 1,37) por saca. Em reais por saca, as cotações para entrega em março próximo na ICE fecharam no dia 28 a R$ 397,25/saca e hoje, dia 4 a R$ 397,24/saca. Hoje, sexta-feira, nos contratos para entrega em março, a bolsa de Nova Iorque fechou com alta de 85 pontos. No mercado semi-paralisado de hoje, são as seguintes cotações nominais por saca, para os cafés verdes, do tipo 6 para melhor, safra 2012/2013, condição porta de armazém:

R$360/370,00 - CEREJA DESCASCADO – (CD), BEM PREPARADO.
R$340/350,00 - FINOS A EXTRAFINOS – MOGIANA E MINAS.
R$330/340,00 - BOA QUALIDADE – DUROS, BEM PREPARADOS.
R$320/330,00 - DUROS COM XÍCARAS MAIS FRACAS.
R$310/320,00 - RIADOS.
R$300/310,00 - RIO.
R$300/310,00 - P.BATIDA P/O CONSUMO INT.: DURA.
R$290/300,00 - P.BATIDA P/O CONSUMO INT.: RIADAS.

DÓLAR COMERCIAL DE SEXTA-FEIRA: R$ 2,038 PARA COMPRA.

Fonte:
Escritório Carvalhaes

0 comentário