Feijão: Referência do preto no Paraná é de R$ 165

Publicado em 03/10/2013 16:00
993 exibições

Feijão carioca: Na madrugada de hoje (03), houve oferta de 19.000 sacas com sobras de, aproximadamente, 14.000  sacas. As referências de preço permaneceram em R$ 140 para nota 9;  R$ 135 para nota 8,5 e R$ 130 para nota 8.

Feijão preto: No momento com abastecimento de feijão chinês o feijão preto permanece estável. A indicação de R$ 165 continua como referência no Paraná. Na última quarta-feira (02), os importadores relataram ter percebido um aumento na quantidade de consultas por parte de pequenos empacotadores. Já foram reduzidas drasticamente as chegadas desde a China para este período. Fica claro que foi realmente concentrada as importações em agosto e setembro.

Feijão caupi: O mercado do grão ainda está estável e os produtores que não venderam até agora não tem a mínima pressa. Rejeitam qualquer valor abaixo de R$ 70. Os compradores ofertam R$ 55/60. Pela primeira vez, a pedido da Câmara Setorial, a CONAB divulgou que em 2012/13  a produção de 352.000 t foram produzidas de Caupi e a exportação chegou a 50.000 t, um recorde. Certamente a seca do nordeste impediu um volume maior de colheita. 

Tags:
Fonte: Correpar

Nenhum comentário