Feijão: Produtores informados sabem o quanto de produto há para ser colocado à venda

Publicado em 17/08/2016 18:01
468 exibições

Segue funcionando, como nunca antes, o conhecimento, por parte do produtor, a respeito de quanto de feijão há para colocar à venda.

Estimando a quantidade e utilizando cultivares de escurecimento lento pode-se ter o gerenciamento da oferta em ano de escassez.

Ontem, os produtores em Minas Gerais e em Goiás tomaram a frente em pedir R$ 350,00/400,00 e, no final da tarde, houve negócios fechados por R$ 370,00.

Certamente, “tomando uma no fígado e uma no queixo”, os especuladores vão ficando menos confiantes e vão perdendo a credibilidade no que declaram sobre o mercado.

As chuvas em Primavera do Leste e em Sorriso devem atrapalhar bastante a colheita hoje.

Em São Paulo, na região do Brás, houve oferta de 6.000 sacas e não restaram sobras às 7h30. Os preços praticados foram: R$ 390,00 para o nota 9/9,5 e R$ 380,00 para o nota 8,5.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE

Tags:
Fonte: IBRAFE

Nenhum comentário