Feijão: O mercado tem condição de ultrapassar rapidamente os R$ 400,00

Publicado em 30/08/2016 18:03
335 exibições

As primeiras notícias da manhã são positivas para que tem feijão.

Choveu a noite toda em boa parte do Mato Grosso. Não será possível colher nos próximos dois dias.

Na bolsinha, houve oferta de 10.000 sacas e sobraram não mais do que 5.000, que não aceitaram vender sem corrigir fortemente o preço. Assim, os notas 8/8,5 que ontem eram R$ 350,00 hoje não saíram por menos de R$ 390,00. Para os nota 9, pediam R$ 420,00. Houve contraoferta de R$ 400,00, mas não aceitaram. Pouco produto indica pegada forte.

Ontem, principalmente durante a tarde, houve um aumento bastante grande da presença de compradores, tanto no Mato Grosso, quanto em Minas Gerais e em Goiás.

Os preços em Minas Gerais chegaram a R$ 370,00 e, no Mato Grosso, entre R$ 330,00 e R$ 350,00.

Ao que tudo indica o mercado tem todas as condições de ultrapassar rapidamente os R$ 400,00.

Os preços praticados na região do Brás, em São Paulo, foram: R$ 400,00 para o nota 9/9,5, R$ 390,00 para o nota 8,5 e R$ 380,00 para o nota 8.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE

Tags:
Fonte: IBRAFE

Nenhum comentário