Feijão: Preços deverão ter recuperação proporcional ou até maior que as quedas ocorridas

Publicado em 17/10/2016 18:59
667 exibições
Diversos produtores têm manifestado sua incredulidade diante dos valores que foram ofertados na semana passada.

Por outro lado, diversos especuladores aproveitaram para, com estas aquisições abaixo de R$ 200,00, fazer um preço médio mais confortável.

Difícil calcular o volume vendido durante a semana passada. Mas muitos produtores não quiseram arriscar e efetivaram as vendas.

Segundo um observador do mercado, esta depressão dos preços só acentuará, em algum momento, uma recuperação dos preços proporcional à baixa ou tão surpreendente quanto o comportamento dos últimos dias.

Espera-se que, com a diminuição das chuvas, a colheita recomece no interior do Estado de São Paulo. Produtores estão pouco entusiasmados com a qualidade deste produto que foi cortado e ficou exposto às chuvas.

Nesta manhã, no Brás, foram ofertadas 30.000 sacas e, por volta das 7h, sobravam cerca de 20.000 sacas. Os preços foram R$ 235,00 para nota 9,5/9, R$ 210,00 para nota 8,5 e R$ 200,00 para nota 8.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE
Tags:
Fonte: IBRAFE

Nenhum comentário