Feijão: Em lavouras de MG, GO e BA, a serem colhidas no fim de janeiro, a média de perda pode chegar a 30%

Publicado em 04/01/2017 17:20
522 exibições
Mesmo que haja chuva suficiente para estancar as perdas em Minas Gerais, em Goiás e na Bahia, pode-se afirmar que as lavouras que seriam colhidas no final de janeiro já apresentam perdas que podem chegar a 50%.

É possível que, levando em consideração as lavouras que receberam suficiente umidade até agora, a média da perda alcance cerca de 30%.

Conscientes desta enorme perda, os produtores passaram a segurar os melhores lotes. Se não voltar a chover imediatamente, a tendência será que os preços venham a se firmar.

No Paraná, houve negócios com produto manchado desde R$ 100,00, porém os melhores lotes alcançaram R$ 115,00/120,00.

Em Minas Gerais e em Goiás, as referências foram de até R$ 140,00.

Em São Paulo, na região do Brás, a oferta foi de 16.000 sacas e, às 7h30, sobravam 14.000 sacas. Os preços foram R$ 150,00 para nota 9,5/9, R$ 130,00 para nota 8,5 e R$ 120,00 para nota 8.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE
Tags:
Fonte: IBRAFE

0 comentário