Feijão: Produto armazenado no PR pode não ser suficiente para atender toda a demanda até a segunda safra

Publicado em 16/01/2017 17:22 e atualizado em 16/01/2017 19:32
619 exibições
Com o mercado mais tranquilo na sexta-feira, alguns produtores no Paraná cederam novamente e, no final da tarde, voltaram a vender entre R$ 120,00/125,00 para feijão campos gerais.

A venda da semana foi bastante grande. Escoou muito feijão durante toda semana. O varejo, mesmo no período de menor volume de demanda do consumidor, está vendendo muito bem.

Ainda que as chuvas tenham chegado no noroeste de Minas, há algumas lavouras que não receberam suficiente umidade.

Tem-se falado muito sobre o volume de feijões armazenados no Paraná. Mas precisa ser levado em conta que se tem bom volume no Paraná é porque estamos com pico da safra e ainda várias regiões do Brasil têm pequenos volumes disponíveis. Porém, isso não é suficiente para atender toda a demanda que teremos de agora até a colheita da segunda safra.

Em São Paulo, na região do Brás, a oferta foi de 21.000 sacas e, às 7h30, sobravam 16.000 sacas. Os preços foram R$ 150,00 para nota 9,5/9, R$ 135,00 para nota 8,5 e R$ 125,00 para nota 8.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE
Tags:
Fonte: IBRAFE

0 comentário