Feijão, por Ibrafe: Safra da Bahia é boa mas não se sabe ao certo a área plantada

Publicado em 15/08/2017 17:20
348 exibições

A aposta em preços mais baixos, pelo menos neste momento, se esvai. Mesmo em um período do mês de poucas reposições, o pouco que vende nas gôndolas precisa ser reposto e isto levou ontem a alterações nos preços nas fontes.

Por R$ 120,00 no final da tarde, em Minas Gerais, houve negócios reportados por produtores enquanto alguns atravessadores já afirmavam ter pago até algo mais.

Com a procura bem acentuada em Goiás, também foram reportados negócios por R$ 110,00 e o mesmo valor no Mato Grosso.

Da Bahia, vai desaparecendo a euforia. É uma boa safra, com bons rendimentos, mas confirmar a área plantada é uma tarefa impossível. Números oficiais passam longe da realidade, pois há muitos anos nenhum levantamento é feito na região. O que se tem é apenas estimativa.

Simplesmente não há como imaginar que se atenda mais do que 30/45 dias de consumo do Nordeste com esta safra colhida lá.

Empacotadores com boas marcas do Nordeste, há mais de 10 anos não adquirem naquela regiões, pois sementes de diferentes cultivares e em pequenos lotes não têm padrão.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE e a PÁGINA DO FEIJÃO.

​Clique AQUI e veja mais cotações do mercado de feijão.

Tags:
Fonte: IBRAFE

0 comentário